Posted on Deixe um comentário

A arte de encantar audiências

PPT 2.jpg

Livro: Super apresentações: como vender ideias e conquistar audiências

Autores: Joni Galvão e Eduardo Adas (adaptado)

Como fazer uma apresentação surpreendente?

  1. Diagnóstico:

Para decidir o que deve ter na apresentação é importante responder as perguntas abaixo:

  • Com quem falarei?
  • Qual é o perfil do público que vai participar da apresentação?
  • Que assunto será abordado na apresentação?
  • O que essas pessoas sabem sobre o assunto que será apresentado?
  • Qual é o meu objetivo com a apresentação?
  • Se eu puder fixar uma única mensagem na audiência, que mensagem será essa?
  • De que forma o que eu tenho a oferecer pode beneficiar as pessoas que vão assistir a apresentação?
  • Quanto tempo terei disponível?
  • Quais são os pontos fortes do meu projeto, do meu produto e/ou ideia?
  1. Roteiro:

Coloque no papel todas as ideias, mas, lembre-se: não deixe nada muito longo.

A comunicação deve ser objetiva, curta e simples, assim, a apresentação ganha ritmo e a plateia assimilará as informações com mais facilidade. Há muitos recursos que podem ser usados:

  • Ir direto ao ponto:

Esse recurso deve ser usado para dar mais objetividade a apresentação. Quando o apresentador vai direto ao ponto ele expõe os pontos mais relevantes e a apresentação termina rapidamente.

Humor:

Esse recurso deve ser usado para chamar a atenção dos participantes e, consequentemente, dar um tom leve para o assunto.

  • Tom dramático:

Esse recurso deve ser usado para chamar a atenção dos participantes e, em seguida, o apresentador oferece as soluções e melhorias para o problema.

  • Suspense, entre outros.

A escolha dos recursos é uma decisão sua. O importante é combinar com a tua personalidade e com o conteúdo que será exposto na apresentação. Não esqueça que as informações e as imagens devem combinar com o recurso narrativo que escolher.

Dica: a imagem reforça o conteúdo do slide.

Divisão do conteúdo:

Separe as informações mais importantes e, em seguida, escolha as imagens e as palavras-chave para compor cada slide da apresentação.

  1. Confecção dos slides:

É necessário ter o domínio da ferramenta (Power Point- PPT) para ter liberdade de criação.

Todos os slides devem ter o mesmo estilo visual e para que isto aconteça é importante escolher uma fonte legível, escolher imagens com tons de cores com combinem entre si e, principalmente, que todos os slides estejam em harmonia (imagem e palavras-chave).

O que levar em conta ao criar uma identidade visual?

Levar em conta a personalidade da marca. Como assim? Analise as cores da marca, as cores do site ou do material publicitário que é usado na empresa, assim, terá referências para escolher as imagens, as cores e até a fonte que deve ser usada em cada slide.

Dicas:

  • cada slide deve conter poucas informações;
  • a apresentação deve ter no máximo 60 minutos;
  • é necessário que você defina uma mensagem principal para cada slide.
  1. Treinamento:

É necessário ter o domínio do conteúdo dos slides, ter um passador de slide e saber TUDO que vai fazer em cada slide, assim, fará com que o público não se disperse no momento da sua apresentação.

Treinar antes de apresentar trará alguns benefícios:

  • Diminui a ansiedade;
  • Saberá o tempo da apresentação;
  • Demonstra confiança e a segurança do apresentador.

Lembre-se: a voz é uma importante ferramenta para inspirar e envolver a audiência. Ela deve ser clara, natural e expressiva.

Por fim, incentive a interação das pessoas durante a sua apresentação, dê show, encante, conquiste as pessoas.

 

Posted on Deixe um comentário

SONHO realizado

coração.jpg

Livro: A Hora Extraordinária: como realizar seu primeiro sonho em 30 dias, dedicando-se 1 hora por dia. BERTIN, Lilian.

Por Andréa Cordeiro

A vida de todo mundo é uma loucura e sempre nos falta o tão precioso tempo para realizarmos os nossos sonhos. A realidade é que merecemos realizar TODOS os nossos sonhos!

Há muitas pessoas que criam a sua própria realidade, pois elas acreditam que ter uma vida rasa é passar pela vida sem grandes conquistas e emoções. Há outras, que é a maioria, está aprisionado nas atividades do dia a dia e/ou está vivendo na zona de conforto.

A Liliam Bertin, autora do livro, “A Hora Extraordinária”, nos entrega uma leitura reflexiva e repleta de possibilidades para identificarmos o que nos aprisiona e para darmos o primeiro passo para a liberdade.

A primeira tarefa para mudar o piloto automático que vivemos é identificar os medos. Aqueles que nos impede de acreditar que somos merecedores e que temos condições de realizar TUDO aquilo que sonhamos. E como fazer isto? Traga para a consciência aquilo que está guardado em uma caixinha aí dentro do teu coração. Escreva em um papel! Visualizar os sonhos é um passo importante para ter FOCO. Mas, imagino que você pensou que não consegue fazer isso não é mesmo?! A falta de tempo, ou a falta da garantia de sucesso, ou por não ter incentivo das pessoas ao teu redor, ou que não acredita na sua capacidade e nas suas habilidades, ou por não ter como trocar as contas a pagar por um futuro incerto, entre tantos outros pensamentos que surgem nas nossas MENTES. A autora define essas desculpas como sendo LADRÃO de SONHOS.

Por isso é importante ter consciência dos sonhos. Que tipo de mensagem você tem mandado para o teu cérebro? Se mandar que não consegue, com certeza, não irá conseguir realizar, mas se mandar a mensagem que dará conta, o universo vai te entregar aquilo que deseja, principalmente, por trabalhar com FOCO no sucesso.

Passo a passo para mudar os hábitos antigos:

Durante 21 dias você vai começar a pensar positivo. Conscientemente vai se comprometer a não ter os pensamentos antigos (pessimistas) e vai pensar positivamente. Comemore e crie objetivos de pensamentos mais elaborados, mais complexos, depois dos 21 dias. Assim, os hábitos antigos serão substituídos por novos. Você vai passar a acreditar em você.

Mas, por que mudar?! Lembra da zona de conforto?! Então, imagino que deva está pensando que será difícil começar a mudança. Pegue um papel e uma caneta. Responda as perguntas:

  1. Qual é o meu sonho?
  2. O que me impede de realizá-lo?
  3. Esse sonho atrapalha a vida de alguém?
  4. O que eu preciso fazer para conseguir planejá-lo?
  5. Quem se importa comigo?
  6. As críticas que ouço vêm realmente de pessoas que me amam e que querem o meu bem?
  7. Como conscientizar essas pessoas de quanto esse sonho é importante para mim?
  8. Eu realmente acredito que vale a pena lugar pelo meu sonho?
  9. O que me faz feliz hoje?
  10. O que eu preciso para ficar mais feliz?

Ao respondê-las você vai ter dado o primeiro passo para MUDAR de vida e, principalmente, vai aprender a respeitar os teus sonhos. Libertar-se dos ladrões de sonhos é aprender a filtrar os sentimentos e a MENTE. LEMBRE-SE: quando não realizamos os nossos sonhos, o arrependimento se fará presente. Então, o melhor a ser feito é virar uma chave que está aí dentro de você.

Planeje os teus SONHOS. Divida o teu dia! Nele deve caber as tuas atividades e uma hora para o teu NOVO projeto. Em seguida, aja! É agindo que você terá condições de colocar o trem no trilho certo. Ajustar o rumo faz parte desta etapa. Por fim, acredite nos teus SONHOS! O FOCO e a confiança te levarão para o caminho que DESEJA. Acredite em você! Se dedicar a si mesmo é grande sacada para transformá-lo (a) em um realizador de sonhos.

Então, vamos fazer um mapeamento da tua vida e colocar em prática a tua hora extraordinária.

MAPEAR os cinco pilares e mantê-los em equilíbrio é uma tarefa árdua e necessária para transformá-lo: família, profissional, financeiro, saúde e espiritual.

Lembre-se: “a sua felicidade será do tamanho que você permitir”. Ajustar o rumo da VIDA é possível e depende apenas de VOCÊ. Fácil? Não é! Mas, não é impossível! Realizar os sonhos pode ser realidade, basta estar disposto e ter CORAGEM de sempre seguir em frente.

Vamos à prática:

  1. Liste os teus sonhos;
  2. Detalhe os teus sonhos;
  3. Mentalize diariamente o sonho realizado;
  4. Desenhe (planeje) como fará para alcançá-los.

Alcançou o sonho? Comece o próximo! “A vida pode ser um mar de realizações ou um mar de estagnação e reclamação”. Tome a DECISÃO! Respire e caminhe para o SUCESSO.

Posted on Deixe um comentário

Desafios da Maturidade

vovo fashion

O Brasil é um país que está amadurecendo a passos largos. Em 2016 já éramos o quinto país mais velho no mundo. Em 2020, segundo dados do IBGE, serão 30 milhões de idosos. Um novo momento! Um momento transformador! Encarar essa nova fase para os especialistas é fundamental para o bem-estar e a qualidade de vida. Aceitar esse novo momento é perceber as mudanças físicas, psicológicas e sociais.

Ter autonomia a partir dos 60 anos é algo desejado por todos. Mas, nem sempre isso acontece. Dados do IBGE, colhidas em 2015, indicam que 17,3 das pessoas acima de 60 anos apresentam alguma limitação para exercer alguma atividade física, atividades diárias ou cuidar do próprio dinheiro. Então, precisamos pensar na prevenção não é mesmo?! As pessoas precisam mudar alguns hábitos: hidratar (tomar pelo menos três litros de água por dia), ter uma nutrição adequada, controlar o peso, fazer atividade física e ter interação social são ações que beneficiam as pessoas a partir dos 60 anos de idade.

As pessoas precisam pensar em um projeto de vida. A maturidade é uma fase que precisa ser vivida com entusiasmo, com coragem e otimismo. O envelhecimento é inevitável! Há vantagens nessa nova fase: a maturidade te direciona para o caminho que te dá mais prazer, faz o teu coração se sentir em paz, o autoconhecimento te direciona para o teu eu interior, com isso, fica mais fácil resolver questões que antes eram tão complexas, o amor fica aparente quando somos maduros. Entender o que te faz bem é a chave para a felicidade na terceira idade.  Ter autonomia emocional é importante para que o teu caminho seja prazeroso.

Redescobrir as coisas boas da vida é uma questão de tempo e de desejo. Refletir sobre o que gosta, o que quer, e o que te faz acordar todos os dias é muito importante nessa nova fase. Lembre-se: já caminhou até aqui não é mesmo?! Que tal ocupar a mente com algo que te motiva?! Que tal mexer o corpo?! Precisamos independentemente da idade, manter viva a chama da vontade, do desejo, acreditar que é capaz e ousar.

A caminhada da vida nos traz muitos ensinamentos e ter está consciência te redimensiona e faz você se sentir legitimamente vivo. Enxergar a simplicidade da vida nas pequenas coisas nos ajuda a experenciar uma vida mais plena.