Formação dos Filhos – Educação Positiva

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp

18670904_1546462405406609_4450158401694778245_n(1)

Por Andréa Cordeiro Publicitária, Especialista em Gestão Empresarial, Mestre em Mercado de Luxo, Consultora na área de Comunicação, empresária, mulher e mãe da Maria Beatriz.

A educação dos filhos se modificou nas últimas décadas. Ainda há pais mais severos, outros permissivos na EDUCAÇÃO dos filhos e, como consequência, há muitos pais sem saber como lidar com eles. Escolher a melhor forma de EDUCAR é o que os pais mais desejam. Sabemos da responsabilidade e dos desafios que TODOS têm enfrentado quando o assunto é educação, por isto, o equilíbrio é a palavra do momento.

O equilíbrio é o que encontramos na educação POSITIVA ou disciplina positiva. A cada dia há mais e mais adeptos preocupados com a formação ética, emocional e psicológica dos seus filhos. E qual a diferença na maneira de EDUCAR? Diferentemente da educação tradicional, a positiva constrói uma relação transparente com os filhos. Esta educação trabalha o socioemocional da criança e, com isto, aumenta a autonomia, o autoconhecimento, a autoconfiança e, consequentemente, prepara-a para a VIDA. Estes valores são necessários para que esta criança se torne um adulto independente emocionalmente dos pais, e com valores bem definidos. Mas, tem mais, segundo os especialistas, este método FORTALECE o vínculo das crianças na escola e em casa.

Com a Educação Positiva você vai encorajar o teu filho a cada dia a refletir, vai ajudar a perceber as suas qualidades, vai deixá-lo mais feliz e mais ativo. Ele será estimulado a pensar sobre ele mesmo, sobre as suas atitudes. Vai ajudá-lo a pensar nas consequências dos seus atos. Não é fantástico ter um filho mais consciente? Encorajá-lo a agir da melhor maneira é um exercício diário e vai permitir que ele supere as frustrações do dia a dia.

  O mais importante nesse método é que as críticas devem ser feitas nas ações e, logo em seguida, os pais devem fazer o filho pensar nas consequências. Este erro cometido por ele será uma ótima oportunidade para que ele aprenda.

Dialogue, converse, explique e escute! O diálogo cria conexão com os filhos e vai te ajudar na hora de elogiar alguma atitude boa ou criticar uma atitude ruim do seu filho. Um filho encorajado a ter bons comportamentos fará dele um adulto mais comprometido consigo mesmo e com o outro.

A Educação Positiva aposta na firmeza com gentileza, segundo a autora do best seller “Disciplina Criativa: Como criar filhos confiantes e capazes”, segundo a mãe de sete, escritora, educadora e psicóloga Jane Nelsen, que desenvolveu as teorias psicológicas humanistas de Alfred Adler (médico e psiquiatra) e Dudolf Dreikurs (psiquiatra). Ela vai além quando faz uma pergunta que devemos refletir: “de onde tiramos a absurda ideia de que, para que as crianças se comportem, primeiro devemos fazê-las se sentir mal?” e quando faz uma afirmação: “as crianças melhoram quando se sentem melhores”.

O maior desafio dos pais é educar para a VIDA, é encontrar um equilíbrio de AMAR e GUIAR um filho para que ele siga um caminho independente e único.

Referências

NELSEN, Jane. ERWIN, Cheryl. DUFFY, Rpbson Ann, RODRIGUES, Bete P. LEE, Fernanda (trad.). Disciplina Positiva: como criar filhos confiantes e capazes. Ed. Manole, 2017.

Outros Posts

A arte de encantar audiências

Livro: Super apresentações: como vender ideias e conquistar audiências Autores: Joni Galvão e Eduardo Adas (adaptado) Como fazer uma apresentação surpreendente? Diagnóstico:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

COMO ELA CONSEGUE

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no blog?
Deixe seu e-mail que conto pra você sempre que houver
NOVIDADES!!!

Copyright© 2019 | Todos os direitos reservados a Como Ela Consegue

Design

H5 Logos-2
%d blogueiros gostam disto: